Parece não ter limites para a curva de aceleração das mudanças provocadas pelas inovações tecnológicas. Ainda mais espantosas são as consequências exponenciais de cada invenção compartilhada, atingindo toda a sociedade. Um determinado avanço, como por exemplo a invenção do telefone, acaba por impactar praticamente toda uma estrutura social e afetar os comportamentos humanos.

Muitos negócios surgiram em decorrência desta invenção. As distâncias foram encurtadas, as relações sociais foram alteradas, a capacidade de executar mais coisas em menos tempo foi ampliada e as pizzas passaram a chegar a nossas casas com um simples telefonema.  Este mesmo ciclo de consequências se dá a cada vez que ocorre algum avanço tecnológico, possibilitando que muitos outros campos se apropriem da “descoberta”, tornando tudo cada vez mais rápido e fugaz em uma sociedade cada vez mais liquida.

Em termos históricos, podemos afirmar que foi muito pouco tempo que transcorreu da invenção de Gran Bell até a chegada da Televisão e absurdamente pouco, até nossos smartphones  conectados em rede mundial. Imaginemos agora o que acontecerá em decorrência das inovações que pipocam atualmente? Quais serão as consequências de todo este avanço tecnológico que inunda a sociedade em ritmo cada vez mais acelerado? Uma questão muito difícil de responder, mas me parece fundamental que cada profissional se reinvente e coloque o seu trabalho sob esta nova perspectiva.

Novos cenários, novas estratégias

Foi o que buscamos fazer em nossa empresa de turismo. A Venturas Viagens existe desde  1992 e somos especializados em um segmento de viagens bem específico, que curiosamente a pouco mais de 30 anos nem existia: Turismo de Natureza ou ecoturismo. Durante anos construímos um conhecimento valioso sobre os mais variados destinos no Brasil e no mundo, para quem buscava experiências diferenciadas de turismo em suas férias.  Em um tempo não muito distante, na falta de aplicativos como google maps, booking e trip advisor entre outros, quem detinha a informação possuía um grande diferencial no mercado de viagens.

Por um bom tempo, tentamos proteger o que era um de nossos principais ativos: as informações que embasavam nosso conhecimento. No entanto, se antes era preciso ir pessoalmente a determinados locais para saber o que fazer, onde comer ou dormir, e demais informações sobre o local a ser visitado, hoje não é mais necessário. Descobrir tudo isso ficou muito mais simples após a democratização da informação através da internet.

Conhecimento segue sendo fundamental, mas já não é um diferencial. Por outro lado, se o internauta não tem mais dificuldades em descobrir as informações, ele passou a ter bastante trabalho para pesquisar e, mais do que isso, para saber discernir em qual fonte de informação acreditar. Como saber qual é sua credibilidade?

Diante deste cenário, nós decidimos inverter completamente o raciocínio de proteção de nossas informações e, desde o início de 2016 criamos mecanismos de compartilhamento de todo nosso conhecimento acumulado ao longo dos anos. Foi seguindo esta diretriz que criamos um Blog e um programa de vídeos chamado “Conta Tudo e Não Me Esconde Nada”.

Uma aposta de risco

Recebemos críticas de parte de nossos colegas do mercado de turismo, por  estarmos disponibilizando gratuitamente todas estas informações. A mesma parte que se preocupou com a chegada da internet e se  revoltou quando as empresas aéreas reduziram o comissionamento dos agentes de viagens.

É claro que um contingente grande de clientes em potencial passou a ter muito mais facilidade para organizar suas próprias viagens. Muitas destas pessoas viram nas novas ferramentas tecnológicas uma possibilidade de cortar intermediários e fazer alguma economia mas outras tantas o fazem porque gostam. Não se trata de economizar e sim de curtira cada etapa de pesquisa e planejamento prévio das próximas férias.  Por outro lado, sempre existirão pessoas que não tem tempo ou que não gostam de se debruçar horas na internet, pesquisando as opções e buscando referências de informações confiáveis.

Assim, ao compartilhar dicas importantes e as melhores logísticas para se conhecer os destinos que trabalhamos, esperamos consolidar nossa imagem de especialistas no assunto, como uma fonte de grande credibilidade. Estamos confiando que todo viajante por conta própria, tenha pelo menos um amigo ou parente que prefere viajar com tudo pronto e organizado para destinos de natureza.  E é aqui que somos indicados!  

Depois de um ano publicando conteúdos semanais, o programa “Conta Tudo”  já disponibilizou dezenas de vídeo dicas curtas, abordando destinos como Chapada Diamantina, Lençóis Maranhenses, Amazônia, Patagônia, Fernando de Noronha entre outros.  Acompanhe abaixo o vídeo do canal e depois acesse o youtube para conhecer nossas playlists. Não esqueça de se inscrever para receber os próximos vídeos!