Seguindo para mais um dia de passeios, caminhadas, desafios, belezas, e claro, tudo isso com ótimas companhias. Assim começamos o sexto dia de aVenturas! Com bastante animação e entusiasmo fomos para a trilha que nos levaria a Cachoeira da Fumaça.

Conhecendo a Chapada Diamantina em Sete dias – Sexto dia

Acordar no Vale do Capão com toda certeza é um dos melhores amanheceres que já vimos. Com muita neblina entre os morros, a imagem é algo cinematográfico. Na Pousada do Capão tivemos a possibilidade de ver todo esse espetáculo da natureza. Um lugar bastante acolhedor e com paisagens incríveis que nos deixou encantos desde a chegada.

Tomamos um magnífico café da manhã com as iguarias que a Chapada pode nos oferecer. Café quentinho, leite, bolos diversos, tapioca, aipim e frutas fizeram parte da nossa primeira refeição do dia. Depois disso era hora de se preparar para começar a caminhada.

Cachoeira da Fumaça 

Da Pousada do Capão até o início da trilha foram 6 km de estrada de terra, aproximadamente uns 15 minutos. Chegando lá fizemos o registro da nossa entrada, ou seja, para entrar na trilha é importante informar seu nome, dados de contato e guia que está acompanhado para eventuais necessidades.

Cachoeira da fumaça com seus mais de 360 metros de queda
Cachoeira da fumaça com seus mais de 360 metros de queda

Esse monitoramento é realizado pelos voluntários da ACV – VC (Associação dos Condutores de Visitantes do Vale do Capão). Lá eles realizam um trabalho de preservação e conscientização aos turistas que vão visitar a Cachoeira da Fumaça, bem como a Chapada. Além disso a associação possui uma Brigada Voluntária do Vale do Capão (BV-VC), que combate incêndios florestais há mais de dez anos, bem como realiza também busca e salvamento na área do Parque Nacional e entorno. Eles possuem longo histórico de resgates em ambientes naturais e oferece segurança aos visitantes do local. A sede localiza-se na entrada da trilha da Cachoeira da Fumaça. Lá não é cobrada taxa de visitação, mas se os visitantes quiserem contribuir com qualquer valor é muito bem vindo para ajudar a manter o trabalho que é desenvolvido por cada um daqueles voluntários.

Todo o grupo registrado, agora era hora de começar a subida de aproximadamente 2km e mais 4km de terreno plano. Isso mesmo! Para chegarmos até a Cachoeira da Fumaça fizemos uma caminha total de 6 km. Nada muito difícil. Cada um no seu tempo e dentro dos seus limites conseguiu chegar lá no topo. No momento que começamos a subir o morro, e por todo o caminho nós fomos presenteado com a maravilhosa vista do Vale do Capão.

As águas da Chapada Diamantina, devido a presença de tanino oriundo da cobertura vegetal, tem esta coloração de chá avermelhado
As águas da Chapada Diamantina, devido a presença de tanino oriundo da cobertura vegetal, tem esta coloração de chá avermelhado

Seguimos caminhando pela mata, observando a flora e a fauna. Em um trecho nos deparamos com uma pequenina jia (rã) que estava parada no meio da trilha. Passamos por ela e seguimos em frente, rumo aquela que é uma das mais belas visões da Chapada Diamantina.

Ao chegar na parte de cima da cachoeira confesso que é uma sensação de impotência perante a grandiosidade que a natureza nos apresenta. Acomodamo-nos e aguardamos o momento de chegar na ponta da pedra para poder vê-la melhor. Em meio a isso, respingos de água trazidas pelo vento eram sentidos em nossos rostos. Acalmamos-nos e alguns do nosso grupo resolveram lanchar, enquanto os demais revezavam-se para apreciar a vista. Eu particularmente não fui por que realmente tenho muita fobia de altura, mas o Lucas e todos os demais participantes do grupo foram e tudo foi bem tranquilo e seguro. Nossos guias Ítalo e Cacau, foram extremamente cuidados e atenciosos o tempo todo.

Seguimos então para o outro lado para poder apreciar a Cachoeira da Fumaça de outro ângulo. Caminhamos um pouco e lá estávamos diante de sua beleza. Desse ponto eu consegui ver sua grandiosidade. Com uma queda d’água de aproximadamente 360 metros de altura, a Cachoeira da Fumaça, é a segunda maior do Brasil. Seu nome se dá por que o vento acaba espalhando para cima as águas no momento de sua queda, fazendo dessa forma uma cortina de gotas que parece fumaça.

Sem dúvida mais um espetáculo da natureza sendo presenciada por nossos olhos. Lá ficamos o tempo suficiente para contemplá-la, fazer algumas fotos e imagens. No retorno, voltamos pelo mesmo caminho, ou seja mais 6 km de caminhada até a entrada da associação. E aqui vale um lembrete. Na volta, todo visitante, deve registrar seu retorno no livro que registrou sua entrada, para que os voluntários da associação saibam que todos voltaram da trilha.

Cachoeira do Riachinho

Riachinho - Lucas Jasper
Esta é a paisagem de quem está se banhando na cachoeira do Riachinho

Ainda encantados com tudo que vivemos e o dia ainda não tinha acabado. Seguimos de carro até a Cachoeira do Riachinho para relaxar nas suas águas geladas e piscinas naturais. Dentro do Parque Municipal, a cachoeira do Riachinho fica a 4 km do Vale do Capão, o acesso é de carro e depois faz-se uma trilha bem curtinha, de fácil acesso até chegar ao local. Vale destacar que aqui se paga uma taxa de visitação para a manutenção e preservação do local. 

Claro que também aproveitamos bastante o banho e para fechar a tarde como dizem com “chave de ouro”, pudemos ficar observando o sol se por entre as montanhas. Não preciso nem falar de mais esse show da natureza.

O sol se pôs e era hora de voltar para a pousada, porém, antes fomos andar pela vila do Vale do Capão e conhecer um pouco do seu artesanato, produtos e culinária. Lá pudemos  encontrar o famoso pastel de “palmito de jaca”, uma iguaria típica feita com parte da fruta ainda verde. O dia acabou com um maravilhoso jantar na Pousada do Capão e depois era hora de descansar para o último dia na Chapada Diamantina.

Texto: Camila Jasper   Fotos: Lucas Jasper.

Camila & Lucas Jasper, exploram lugares pelo mundo, conhecendo culturas e pessoas, compartilhando experiências vividas e reflexões. Eles vivem o sonho de experimentar o máximo de cada momento compartilhando a experiência no We Upp, através de vídeos, fotos e textos. www.weupp.com e  www.facebook.com/weuppworld
Veja abaixo os relatos dos demais dias e se tiver interesse em fazer uma viagem similar, clique para ver opções de pacotes de viagem para a Chapada Diamantina.